Saída de prova nos jogos paralímpicos de Barcelona em 1992

A perspectiva neuropsicofisiológica em natação

Como o trabalho em natação para deficientes desenvolvido na Espanha ajudou atletas em Barcelona'92

Autores

  • Juan Enrique Vázquez Universidad Europea de Madrid

Palavras-chave:

Natação Adaptada, Síndrome De Down, Motivação, Seleção Olímpica

Resumo

Não se pode pensar num desportista de nível olímpico dissociado de muitos anos de preparação geral, depuração dos estilos e colocação à prova. O título deste artigo pretende dar as pistas dos três níveis de integração que devem ser aplicados nas pessoas para que cheguem bem perto do nível olímpico e para que esta prática resulte reabilitadora: neurológica, psicológica e fisiológica.

Biografia do Autor

Juan Enrique Vázquez , Universidad Europea de Madrid

Universidad Europea de Madrid
Facultad de Ciencias de la Actividad Física y el Deporte
Área temática – Deporte y calidad de vida
Especialidad – Personas con diversidad funcional

Referências

(1) Ottenbacher K. Developmental implications of clinically applied vestibular stimulation. Physical Therapy. 1983;63(3):338-342.

(2) White RW. Motivation reconsidered: The concept of competence. Psychological Review. 1959;66(5):297–333.

(3) Combs AW, Snygg D. Individual Behavior. New York: Joanna Cotler Books; 1959. ISBN: 978-0060413507.

Publicado

2023-04-20

Como Citar

1.
Vázquez JE. A perspectiva neuropsicofisiológica em natação: Como o trabalho em natação para deficientes desenvolvido na Espanha ajudou atletas em Barcelona’92. Nadar! Swim Mag [Internet]. 20º de abril de 2023 [citado 23º de fevereiro de 2024];3(166). Disponível em: https://www.revistanadar.com.br/index.php/Swimming-Magazine/article/view/53

ARK